Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > SEMA > Notícias > Sema divulga trabalhos realizados por moradores de comunidades tradicionais e assentamentos de MT
Início do conteúdo da página
SEMA
Publicado: Quarta, 06 de Outubro de 2021, 13h26 | Última atualização em Quarta, 06 de Outubro de 2021, 13h26 | Acessos: 170 | Categoria: Notícias
Capacitação de Agentes Ambientais - Programa de Educação Ambiental e Agricultura Familiar - Foto por: Divulgação
imagem sem descrição.

O evento Intercâmbio entre Agentes Populares de Educação Ambiental na Agricultura Familiar, que ocorreu nos dias 30 de setembro e 1° de outubro, em Cuiabá, divulgou os trabalhos realizados pelas comunidades tradicionais e assentamentos de sete municípios de Mato Grosso, além de reforçar a importância da conservação ambiental.

A programação contou com apresentação cultural, debate com o tema “Cenários, Políticas Públicas e Alternativas para Agricultura Familiar” e roda de conversa. Moradores dos assentamentos rurais apresentaram um painel com os oito projetos que foram desenvolvidos por meio do programa PEAAF, com o intuito de criar práticas sustentáveis, atividades educativas e ações que gerem emprego e renda nas comunidades rurais. Também foi realizada uma visita técnica no Centro de Formação e Pesquisa Olga Benário.

PEAAF

O programa foi desenvolvido pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), em parceria com o Governo Federal, com projetos ambientais e cursos de capacitação de agentes, possibilitando, assim, a criação de novos programas rurais na região e a formação de novos multiplicadores ambientais.

Entre os objetivos do programa estão práticas sustentáveis, ações educativas, debates, atividades voltadas para o desenvolvimento da comunidade rural, emprego e renda. Por meio de projetos inovadores, jovens são incentivados a permanecerem nos assentamentos em que vivem.

O curso de capacitação foi desenvolvido pela Sema, com a intenção de formar multiplicadores ambientais, em parceria com a Secretaria de Estado de Educação e prefeituras municipais. Foram certificados 84 agentes de assentamentos rurais de Tangará da Serra, Barra do Bugres, Nova Olímpia, Nossa Senhora do Livramento, Peixoto de Azevedo, Rosário Oeste e Poconé.

Conheça mais sobre o Programa de Educação Ambiental e Agricultura Familiar

Projetos Desenvolvidos em Mato Grosso

Por meio do Programa de Educação Ambiental e Agricultura Familiar foram desenvolvidos oito projetos em diferentes regiões rurais do Estado. No assentamento Antônio Conselheiro, no município de Tangará da Serra, foi realizado dois projetos: O “Vitrine Tecnológica - A utilização do plantio e manejo de horta no ambiente escolar como prática educativa interdisciplinar na Escola Estadual Ernesto Che Guevara” e o “Recuperação de nascentes na Agrovila 23”.

Poconé também teve a implementação de dois projetos: “Recuperação de nascentes e árvores de frutos nativos do cerrado”, do assentamento Santa Filomena, da comunidade Baía do Campo, e o “Aproveitamento sustentável do Cumbaru na Comunidade Quilombola Capão Verde”.

No município de Peixoto de Azevedo, no assentamento Antônio Soares, teve a Implantação de Viveiro Comunitário para restauração de áreas degradadas. Em Rosário Oeste, no Assentamento Forquilha do Rio Manso, foi desenvolvido o “Recuperação e reflorestamento de nascentes localizadas”.

O assentamento Antônio Conselheiro, em Barra do Bugres, desenvolveu a Horta Comunitária de Produtos Orgânicos na Escola Estadual Paulo Freire. Em Nossa Senhora do Livramento teve Recuperação das nascentes do Rio Brumado com plantas nativas da região, no Distrito de Faval.

*Texto por Suzana Ataíde com orientação de Renata Prata

Registrado em: ,,
Fim do conteúdo da página

Central de Atendimento Integrado ao Cidadão (CAIC)

0800 647 0111

Disque-Denúncia

0800 065 3838