Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > SEMA > Notícias > Sema e PM flagram desmatamento ilegal com apoio de drones e tecnologia de geoprocessamento
Início do conteúdo da página
SEMA
Publicado: Quarta, 27 de Março de 2024, 20h49 | Última atualização em Quarta, 27 de Março de 2024, 20h50 | Acessos: 318 | Categoria: Notícias
Com o uso de drones, os agentes ambientais localizaram máquinas derrubando árvores com correntão Crédito - Sema-MT
Com o uso de drones, os agentes ambientais localizaram máquinas derrubando árvores com correntão Crédito - Sema-MT
Com o uso de drones, os agentes ambientais localizaram máquinas derrubando árvores com correntão Crédito - Sema-MT
A Secretaria de Meio Ambiente de Mato Grosso (Sema) e a Polícia Militar realizaram uma operação contra crimes ambientais no interior do Estado, após a detecção de alterações ilegais na vegetação pelo sistema de alertas Planet. A ação ocorreu nos municípios de Novo Santo Antônio, Serra Nova Dourada, Nova Nazaré e Cocalinho, entre os dias 18 e 22 de março, com o uso do sistema de geoprocessamento que monitora todo o território estadual e de drones. 

A ferramenta reúne imagens de satélite de alta definição de diversas fontes e fornece, em poucos minutos, dados precisos de todo o uso do solo no Estado, incluindo de desmatamento.

Um dos flagrantes realizados durante a operação ocorreu em uma propriedade no município de Serra Nova Dourada. Os agentes flagraram um desmatamento ilegal em tempo real, contou o diretor da Unidade Desconcentrada (DUD) da Sema em Confresa, Edivaldo Soares Silva.

“A equipe da Sema, composta por servidores da DUD Confresa; com o apoio da Polícia Militar, equipe da Força Tática do Xingu, chegou até um dos locais e se deparou com uma supressão de vegetação nativa em tempo real. Com o uso de drones, localizamos duas máquinas esteira realizando a supressão com correntão”, ressaltou Edivaldo ao acrescentar, ainda, que a ação foi imediatamente interrompida. 
  • Confira aqui o vídeo do flagrante do desmatamento ilegal.
Durante a operação, os agentes também constataram uma licença para limpeza de área emitida de forma irregular.

Ao todo, foram apreendidos três tratores de esteira, uma pá carregadeira e um caminhão utilizado para transporte de máquinas. Também foram aplicados R$ 347 mil em multas e embargados 68,729 hectares. Os equipamentos apreendidos foram encaminhados para a Prefeitura Municipal de Serra Nova Dourada.

Canal de denúncia

A Sema-MT atende denúncias da população contra crimes ambientais e pescas predatórias pela Ouvidoria, no telefone 0800 065 3838, pelo e-mail ouvidoria@sema.mt.gov.br, pelo WhatsApp (65) 98153-0255 e em suas Unidades Regionais (acesse a lista aqui).

Quem se deparar com algum crime ambiental também pode denunciar por meio do contato da Polícia Militar 190.
 
CRÉDITO: Nayara Takahara | Sema-MT
Registrado em: ,,
Fim do conteúdo da página

Coordenadoria de Atendimento ao Cidadão - CATE

0800 647 0111

Disque-Denúncia

0800 065 3838